Com o crescimento dos negócios, muitas vezes as empresas deparam-se com uma questão importante: criar o seu software dentro de portas ou optar por contratar uma agência de desenvolvimento de software para o fazer? Neste artigo, vamos olhar para os dois e tentar ajudá-lo a decidir se o melhor é contratar uma empresa, ou deixar a criação dentro de portas.

 

Como gestor de projectos de software com experiência na área, e com os muitos clientes de software que possuímos e que já tivemos (sendo que sou consultor, ainda, para alguns deles) vamos percebendo o que leva as pessoas a tomarem determinadas quando o assunto é criar uma equipa ou contratar uma agência de desenvolvimento de software. E as duas podem fazer sentido: depende dos objectivos, e de aspectos como o grau de controlo, custos, expertise, e paciência (sim, leu bem, paciência).

 

Equipa própria ou agência de desenvolvimento de software – Que critérios ajudam a decidir?

Controlo

 

Um dos motivos para optar por criar o seu software dentro de portas é o controlo que irá ter sobre o mesmo. O código será produzido internamente, o que, em negócios altamente inovadores, torna mais difícil, pelo menos em teoria, a transferência de informação para um concorrente.

Além disso, permite-lhe ter maior controlo sobre a sua equipa, quais os elementos que a constituem.

 

Ao mesmo tempo, existe o lado contrário da moeda. Muitas vezes o que acontece é uma falsa sensação de controlo, em particular quando o empresário não é a pessoa que tem o conhecimento, estando essa tarefa dependente de outra pessoa dentro da organização. Nesses casos, o desejo de controlo pode acabar por tornar-se um risco.

 

Custos

 

Um dos aspetos a considerar na altura de tomar a decisão são os custos. Dependendo do tempo de execução do software, e do valor cobrado por uma software house, pode não compensar ter a própria equipa, visto que os custos de ter uma estrutura assim são bastante elevados. Normalmente, para o criar, são necessários gestores de projecto, designers, programadores.

 

Aqui a empresa de software pode ter uma vantagem, pela capacidade de alocação de recursos especializados entre projectos, garantindo a qualidade do produto.

 

Expertise

 

Muitos empresários até podem querer criar um software in-house, mas aí colocam-se várias questões. Tem o conhecimento necessário na área de gestão de projetos de software? Sabe escolher as ferramentas a utilizar e a linha de raciocínio que irá seguir? Tem o conhecimento necessário para escolher um bom gestor de projetos? 

 

Todas estas questões são importantes para garantir que a criação de software in-house será feita de forma correta.

 

Paciência

 

Um erro comum dos empresários é pensar que gerir uma equipa de profissionais na área do desenvolvimento de software é algo simples. Que basta “deixá-los a trabalhar” e que estes vão fazer o trabalho adequadamente. 

Bem, a não ser que tenha mesmo muita sorte (para além do mérito de saber quem contrata) é preciso ter paciência, perceber os revés que podem existir – e que existem com frequência – e saber gerir, quer as suas próprias emoções, quer as emoções da equipa que o acompanha.

Por isso, com frequência recebemos pedidos de empresários para pegarmos nos seus projetos de software que estão a meio, para ver se os conseguimos concluir: porque estavam dependentes de uma pessoa e não sabem como fazer; porque não têm paciência para continuar a gerir o projeto, etc.

 

 

Perguntas que deve fazer a si mesmo antes de tomar uma decisão

 

Tenho conhecimento profundo na  área para levar o projecto em frente e para contratar as pessoas certas?

Tenho capital para os custos do projeto como os salários de uma equipa multidisciplinar e para aguentar tempos de incerteza e revés no projeto?

O meu negócio é inovador e tenho de o proteger, tendo os recursos “em casa”?

 

Se a resposta às perguntas acima é “sim”, então, provavelmente, faz sentido ter o projeto de software com recursos próprios.

Se a resposta às referidas perguntas é “não” provavelmente deverá pedir um orçamento a uma empresa de software para o desenvolvimento do que pretende.

 

De qualquer forma, se pretende desenvolver a sua app, pode (e deve) falar comigo e com a minha equipa. Seja para consultoria especializada, ou se precisa de uma agência de desenvolvimento de software especializada, eu posso ajudar. Entre em contato.

Autor

Eu sou o Pedro Silva, project manager e consultor na Setup Tech, e trabalho diariamente com projetos tecnológicos, ao nível do desenvolvimento de Software e Marketing Digital e este é o meu blog pessoal, onde partilho algumas das minhas ideias. Espero que gostem.

Escrever um comentário